Chemical Risk

+55 (11) 4506-3196 / (11) 94706-2278

Como a automação de processos na indústria pode contribuir com a segurança química

A automação de processos na indústria é uma das forças que impulsiona o desenvolvimento econômico destas empresas. Ela consiste na otimização das operações por meio de sistemas automatizados, e tem como objetivo aumentar a produtividade, melhorar as condições de trabalho e simplificar operações. 

Na verdade, a automação industrial não é nenhuma novidade. Isso porque as técnicas aplicadas na indústria já são difundidas. Basta apenas nos lembrarmos das linhas de produção, do segmento automotivo, por exemplo, que foi um dos setores que mais investiu em automação. 

Com a necessidade de que os produtos sejam fabricados em menor tempo e em maior número, em substituição à forma manual ou artesanal de fabricação, entra em cena a automação industrial e surge a fabricação em série. 

No entanto, com a indústria 4.0, vem a exigência de se adotar as técnicas mais modernas e tecnológicas existentes. Então, a automação de processos na indústria torna-se um dos pilares dessa evolução.

Leitura recomendada: Como adequar a gestão de produtos químicos à indústria 4.0

O que é a automação de processos na indústria?

De forma geral, podemos entender a automação industrial como a aplicação de tecnologias inovadoras, como ferramentas de software, hardware e equipamentos específicos em processos produtivos. 

O foco é obter projetos que aumentem a autonomia dos processos de fabricação e reduzam ao máximo o esforço humano na cadeia de valor. 

Percebemos, então, que esse conceito está ligado à Indústria 4.0, que compreende sistemas ciber-físicos, inteligência artificial, Internet das Coisas e computação em nuvem para originar as chamadas fábricas inteligentes.

Esse conceito tem como objetivo otimizar o fluxo de trabalho dos colaboradores e trazer mais qualidade para a produção da indústria. Com o uso de sistemas e máquinas específicas, é possível substituir trabalhos repetitivos e manuais. 

Mais importante ainda é que esses equipamentos permitem aos gestores maior controle dos resultados da produção e, dessa forma, podem realizar o monitoramento dos processos em tempo real.

Veja um exemplo na prática!

Uma empresa que fabrica um produto de limpeza precisa envasar cada embalagem com o produto, fechá-las e organizar todas no final da esteira, para que as próximas etapas sejam realizadas. 

Se essa for uma produção manual, essa etapa em grande escala vai demandar um tempo considerável, pensando que são centenas de embalagens a serem preenchidas.

Também pode acontecer que o colaborador coloque mais produto em uma embalagem do que em outra. Como consequência, a produção não será padronizada, pois, em trabalho manual, é muito complexo manter uma precisão exata em todos os itens. 

Por outro lado, se esse processo for automatizado com uma máquina especializada nessa atividade, o colaborador precisará apenas configurar a máquina e organizar as embalagens no equipamento. 

A máquina executará todas as etapas, envasando dezenas de embalagens ao mesmo tempo com a mesma quantidade de produto em todas elas, mantendo a especificação correta. Desse modo, será possível uma produção mais ágil e com qualidade. 

A solução, então, é a automação de processos na indústria, tornando-os mais práticos e eficientes, produzindo mais em menor tempo. Existem máquinas que substituem o serviço manual, outras apenas auxiliam os colaboradores, e outras ainda inovam em toda a cadeia produtiva, com as máquinas que se comunicam por internet das coisas.

Leitura recomendada: Inovação sustentável na indústria: ações práticas para implementar

Automação de processos na indústria e segurança do trabalho   

A segurança no local de trabalho é o aspecto mais importante que uma indústria precisa considerar. Quando os trabalhadores não estão seguros, todo o resto sofre, incluindo a qualidade, a produtividade e as operações. Uma alternativa muito eficaz de melhorar a segurança do trabalhador é aumentar os níveis de automação de sua fábrica.

A automação pode ajudar a manter os trabalhadores mais seguros de várias maneiras. Afinal, a automação robótica em fábricas, combinada com aplicativos de coleta de dados e sensores conectados, é capaz de proteger os trabalhadores. 

Isso porque tais tecnologias podem ficar dedicadas para trabalhos perigosos, difíceis e arriscados, enquanto os próprios colaboradores se concentram em liderar, criar e inovar na fábrica. 

Muitas indústrias produzem produtos que precisam passar por calor extremo, congelamento, processos químicos e outras condições completamente incompatíveis com a segurança dos colaboradores. 

As soluções de robótica e automação de hoje podem entrar nessas situações, trabalhar com os extremos em níveis de alta precisão e manter os colaboradores em um ambiente mais seguro, enquanto trabalham os controles para que esses processos continuem.

Segurança e automação nos trabalhos com produtos químicos

A segurança é chave em todos os processos e operações de uma empresa, ainda mais quando produtos químicos altamente perigosos são utilizados, armazenados, fabricados, tratados ou deslocados no local de trabalho.

O equipamento automatizado é usado em espaços em que produtos químicos e partículas, temperaturas extremas ou outros riscos físicos tornam os trabalhos muito perigosos para os humanos realizarem com segurança. 

Por exemplo, guindastes têm sido usados em fábricas por décadas para lidar com o levantamento de pesos enormes. Porém, agora existem guindastes programáveis e totalmente automatizados que não apenas levantam, mas movem materiais fabricados dentro e fora de áreas de alta temperatura, ou ainda, em locais de pintura, cromagem e galvanização, operações em que a exposição química é um perigo.

As soluções de automação de processos na indústria podem estar presentes em todas as etapas de atividades operacionais de uma indústria química:

  • Recebimento de matérias-primas;
  • Estocagem;
  • Condicionamento de produtos finais que serão distribuídos ao mercado.

Assim, pode-se garantir toda a segurança necessária para manipulação de materiais químicos sem que ocorra contaminação ou perdas de mercadoria após sua fabricação. O que colabora para alcançar a gestão em segurança química de forma mais completa.  

Um exemplo mais prático

Dentro do cenário de um processo químico típico, podemos ter a automação do recebimento de insumos, na alimentação e dosagem de reagentes para os reatores, geração de relatórios em tempo real e inventários para controle do consumo de matérias primas. 

Na etapa de reações, é possível ter o monitoramento de todas as variáveis de processo, sistemas de intertravamento e shutdown de emergências. Já, na área de estocagem, podem estar presentes a automação do envase do produto final e da transferência para os caminhões e controle de estoques.

Leitura recomendada: Segurança química: como fazer o gerenciamento de produtos químicos? 

Vantagens e benefícios da automação de processos na indústria

A automação proporciona inúmeras vantagens para a indústria, tornando os processos de fabricação mais flexíveis e garantindo produtos de qualidade. Veja, a seguir, mais vantagens dessa tendência.

  • Diminuição dos erros humanos 

A integração dos recursos tecnológicos com softwares avançados e sensores fazem com que a máquina opere de forma autônoma, seguindo orientações pré-programadas. As informações são enviadas para um programa, que garante uma operação sem falhas, e o operador é responsável apenas por monitorá-lo, reduzindo riscos de erro humano e acidentes.

  • Redução de custos 

O investimento oferece um ótimo custo-benefício, ao reduzir o custo da produção e aumentar a capacidade de fabricação. Aliado à redução de erros, diminui os desperdícios de matéria-prima, os custos com consumo de energia elétrica e com manutenção dos equipamentos.

  • Aumento de produtividade 

Este é um dos benefícios mais significativos, pois permite o alcance de ciclos de produção mais velozes e eficientes. Uma vez que o tempo de produção é acelerado, pois as máquinas trabalham 24 horas por dia. Com mais precisão, repetibilidade e menos falhas, garante-se maior volume de fabricação e, assim, aumento de ganhos.

  • Mais precisão 

As empresas podem medir os dados da produção por um computador inteligente, assegurando a precisão e o tempo total de produção. São sensores e processadores que ajudam na exatidão dos movimentos, reduzindo drasticamente as falhas na produção.

  • Volume de produção 

Com menos erros e desperdícios, e maior produtividade, ocorre a elevação do volume de produção. O que ajuda, inclusive, a aumentar a competitividade da indústria.

  • Mais segurança nos processos 

Quando uma linha de produção funciona com automação, o controle passa a ser de máquinas. O que reduz as chances de acidentes, mesmo quando atuam em ambientes de situações extremas e riscos potenciais. Dessa forma, é possível promover a segurança nos processos e evitar a ocorrência de acidentes graves com os colaboradores.  

É impossível separar a automação de processos na indústria do conceito da indústria 4.0. Desse modo, conforme implementa-se a renovação nos sistemas de fábricas e empresas, é possível aumentar a sua eficiência. E, à medida que as indústrias começam a depender mais da automação, é consenso geral de que ela traz benefícios tanto do ponto de vista de produtividade, como de segurança.

Conte com uma consultoria em gestão química e segurança do trabalho

A automação de processos na indústria é apenas uma das ações que permitem reduzir riscos, minimizar acidentes e melhorar a segurança dos colaboradores no ambiente de trabalho.

Além dessa solução inovadora, ainda existem diversas outras medidas que as empresas devem adotar para avaliar os riscos existentes nas diferentes operações, como manuseio de produtos, armazenamento, transporte e descarte, e no local de trabalho como um todo.

Dessa forma, é possível implementar a sinalização correta para a atuação dos profissionais, bem como realizar práticas de proteção, como o uso de equipamentos de proteção coletiva e individual.

Para te ajudar a verificar todas essas condições e inserir todas as ações adequadas, garantindo o cumprimento das legislações de segurança do trabalho e gestão química, conte com a Chemical Risk.

Com profissionais altamente especializados, mais de 10 anos de mercado, serviços de excelência e diversos clientes que confiam no nosso trabalho, oferecemos uma série de serviços para auxiliar sua indústria, como:

  • Segurança química
  • Segurança e saúde do trabalho
  • Meio ambiente
  • Assuntos regulatórios
  • Emergência química
  • Treinamentos para empresas

Quer saber mais detalhes? Peça um orçamento gratuito agora mesmo! Entre em contato com nosso time de especialistas!

Gostou deste artigo?

Share on facebook
Share on Facebook
Share on twitter
Share on Twitter
Share on linkedin
Share on Linkdin
Share on pinterest
Share on Pinterest

comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.