Chemical Risk

atendimento@chemicalrisk.com.br
+55 (11) 4506-3196 / (11) 94732-0686 / (11) 94706-2278

Por que sua empresa precisa investir na gestão do risco químico? Entenda os objetivos

A gestão do risco químico é uma abordagem integrada à gestão de produtos químicos ao longo de todo o ciclo de vida destes dentro de uma empresa.

Neste sentido, a implementação de um sistema abrangente de gestão de risco químico é fundamental. Assim, é possível reduzir tanto os riscos de segurança de produtos químicos quanto os riscos à proteção associados aos agentes químicos.

Como podemos definir a gestão do risco químico?

Esse tipo de gestão pode ser considerada um sistema ou processo com o objetivo de controlar os riscos dos produtos químicos.

Logo, a gestão do risco químico se refere às medidas para evitar liberações não deliberadas de produtos químicos e para mitigar o impacto se esses eventos ocorrerem. 

Tal gerenciamento de risco compreende:

  • Segurança ocupacional;
  • Segurança de processos;
  • Proteção ambiental;
  • Segurança no transporte.

Ou seja, os riscos devem ser gerenciados em todos os aspectos do ciclo de vida químico. 

ciclo de vida do produto químico

Veja o exemplo do ciclo de vida dos produtos químicos, desde a produção até o descarte.

Quais são os principais componentes da gestão do risco químico?  

De forma simplificada podemos destacar os seguintes elementos:

  • Avaliação de risco químico – Identificação de perigos e avaliação dos riscos associados ao processo específico (seja manuseio, armazenamento, transporte ou outros) e aos produtos químicos. Deve levar em consideração a adequação de qualquer controle existente e decidir se os riscos são aceitáveis ou não. 
  • Mitigação de Riscos Químicos – Ações e medidas de controle implementadas para reduzir ou eliminar os riscos associados aos produtos químicos ou processos específicos. 
  • Monitoramento – Registro, mensuração, revisão e avaliação de ações e resultados organizacionais para reduzir o risco químico. 
  • Melhoria contínua – Analisar os dados gerados na fase de monitoramento para tomar decisões sobre como a estrutura, a política e/ou os planos de gerenciamento de riscos podem ser aprimorados para minimizar o risco químico.

Conforme podemos observar pela figura abaixo, a gestão do risco químico é um processo que exige acompanhamento contínuo.

gestão do risco químico processo

Leia também: Quais empresas precisam de uma gestão de segurança química?

Como funciona a avaliação do risco químico?

A avaliação tem como base o atendimento a toda legislação existente sobre diferentes aspectos, bem como a definição de boas práticas. Dessa maneira, estão inclusas nesta avaliação: 

  • Avaliação da documentação de segurança química frente às exigências da legislação vigente, como por exemplo: Ficha de Informações de Segurança de Produtos Químicos (FISPQ), Ficha de Segurança de resíduos (FDSR), Rótulos de embalagens e Ficha de Emergência. 
  • Averiguação do nível de compreensão dos trabalhadores em relação aos riscos químicos envolvidos durante a atividade laboral, conforme exigido pela Norma regulamentadora 26 (NR 26) do Ministério da Economia. 
  • Avaliação do Programa de Prevenção de Riscos Ambientais (PPRA) e Programa de Controle Médico de Saúde Ocupacional (PCMSO), conforme as Normas Regulamentadoras 9 e 7 do Ministério da Economia. 
  • Condições de armazenamento de matérias-primas/produtos químicos conforme normas nacionais e internacionais.
     
  • Armazenamento de produtos controlados, conforme legislação da Polícia Federal, Civil e Exército.  
  • Necessidade de emissão de Laudo de Insalubridade e Laudo de Periculosidade, conforme Normas regulamentadora 15 e 16 do Ministérios da Economia. 
  • Verificação do uso adequado de Equipamento de Proteção Individual, conforme Norma Regulamentadora 6 e Programa de Proteção Respiratória. 
  • Verificação da gestão de resíduos existente, dentre outros.

Quais são os objetivos da implementação da gestão do risco químico?

Como objetivos da implementação da gestão do risco químico dentro de uma organização, podemos destacar:

  • Conformidade em relação aos requisitos legais;
  • Melhoria dos processos em função da adoção de boas práticas consagradas;
  • Zelar pela saúde dos colaboradores, tornando o ambiente de trabalho mais saudável e seguro;
  • Ganho de imagem frente ao mercado e opinião pública;
  • Ganho de confiança dos clientes, o que se traduz em ganho econômico real.  

Chemical Risk é uma empresa especializada em gestão de segurança química com profissionais altamente qualificados, com conhecimento de mercado e preparada para realizar o start da gestão do risco químico na sua organização.

Temos diversos serviços na área de segurança química, incluindo toda a consultoria e gestão do risco químico, para assegurar as melhores práticas, diminuição de riscos, redução de acidentes e garantir a segurança dos trabalhadores. 

Também contamos com treinamentos in company para orientar e conscientizar os colaboradores em relação aos riscos associados, além de cursos on-line sobre manuseio de produtos químicos e FISPQ.

Entre em contato conosco, que detalharemos como esse processo de gestão do risco químico pode ser implementado na sua empresa.

Gostou deste artigo?

Share on facebook
Share on Facebook
Share on twitter
Share on Twitter
Share on linkedin
Share on Linkdin
Share on pinterest
Share on Pinterest

comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *